Não fez o Planejamento Estratégico de 2021? Ainda dá tempo!

O ano de 2021 recém começou. Um início de ano atípico, saímos de 2020 com expectativas positivas mas sem grandes certezas. Normalmente, brincaríamos que oficialmente o ano só começa por aqui após o Carnaval – uma desculpa que não faz muito sentido agora, e que talvez poderíamos substituir por: o ano só começa após a vacina?

Mas, estamos atrasados, quase 1 ano atrasados e, em linhas gerais, tudo o que queremos para 2021 é um mundo livre de pandemia e a economia em retomada para que as nossas empresas voltem a prosperar, certo?

Falando em prosperar, parece que o Planejamento Estratégico da sua empresa para 2021 ainda não está em “pleno vapor”, então neste artigo vamos te apresentar um guia com 3 passos para começar agora!

Passo 1: Análise

Todas as empresas estão vivendo hoje o resultado das decisões tomadas e ações desenvolvidas nos últimos dois anos (pelo menos). Antes de fazer o Planejamento Estratégico é muito importante que os gestores entendam quais são esses resultados e a raiz (causa/motivo) de cada um deles.

Essa análise é importante pois irá ajudá-los a perceber erros e acertos, ou seja, as lições aprendidas, isso garantirá que os mesmos erros não sejam cometidos novamente.

Existem algumas ferramentas e metodologias que também podem, e devem, pelo menos algumas delas, serem utilizadas como uma etapa pré-planejamento, destacamos: SWOT ou Pestel e Market Share.

Essas ferramentas irão te ajudar a entender onde você está; quais são as suas forças e fraquezas, qual é a sua fatia de mercado, quais são as tendências e como elas podem te impactar.

Para saber mais sobre essas análises, leia nossos artigos:

Passo 2: Objetivo

Ter objetivos e metas bem definidas é, sem dúvida, vital para o crescimento e desenvolvimento de qualquer negócio.

Empresas que não pautam suas ações por um planejamento estratégico, que não tem objetivos definidos, estão fadadas ao “apagar de incêndios” do dia a dia corporativo e à mercê das oscilações de mercado.

Então, é nesta etapa em que os objetivos são definidos. É importante lembrar que os objetivos são de longo prazo e não precisam ser muito específicos. Lembrando também, que considerando o contexto de mercado atual e dependendo do modelo de negócio da sua empresa, 1 ano pode sim ser considerado longo prazo.

A análise SWOT, descrita no passo 1, tem um papel muito importante nesta etapa do Planejamento Estratégico. Com base nas forças, fraquezas, ameaças e oportunidades identificadas é possível traçar objetivos. Um dos seus objetivos pode por exemplo, ser a eliminação de determinada questão como uma fraqueza.

Passo 3: Como

Depois do Passo 1 e Passo 2 concluídos, é hora de definir o plano de ação.

O plano de ação é o que vai dar vida ao planejamento. É muito comum encontramos empresas que colecionam planejamentos estratégicos mau sucedidos. Se você analisar, provavelmente a causa do fracasso da maioria deles será a falta de execução.

Planejamento sem execução, é perda de tempo. O planejamento precisa ser factível.

No plano de ação você irá esmiuçar os objetivos, se lá você não precisava ser específico; aqui, quanto mais específico você for, maiores serão as chances de sucesso.

Uma dica é utilizar ferramentas como 5W2H na hora de elaborar o plano. A 5H2W irá garantir que suas ações fazem sentido, não só para você mas para as pessoas que precisarão executá-las.

  • Baixe o nosso e-Book gratuito, e conheça 3 ferramentas poderosas (spoiler: umas delas é a 5W2H) para garantir planos de ação eficientes!

Tudo o que vimos aqui, é apenas uma abordagem geral de como montar e começar um Planejamento Estratégico, mas já é um bom início! Ao implementar esses passos, você já vai perceber a diferença nos resultados da empresa.

Gostou do artigo? Se quiser saber mais sobre Planejamento Estratégico, nos preparamos um guia gratuito, baixe aqui.