Avaliação de desempenho: conheça sua importância e 5 formas de fazer

A avaliação de desempenho é uma ferramenta fundamental para as organizações, independentemente de seu porte ou tipo de atividade. É por meio dela que se torna possível avaliar se os colaboradores, de forma individual ou em equipe, de fato alcançam as metas estabelecidas e a produtividade esperada.

Realizá-la periodicamente é importante para acompanhar em quais pontos há gargalos, quais são os funcionários que necessitam de maior atenção e saber como intervir em cada situação. Isso auxilia não só na produtividade do negócio, mas também para melhoria do clima organizacional e diminuição das taxas de turnover.

Conheça os 5 principais tipos de avaliação de desempenho praticadas no mercado e escolha aqueles que mais se adequam à proposta do seu negócio.

1. Avaliação de desempenho por competências

Esse é o tipo cada vez mais utilizado nas empresas. Nesse caso, identificam-se quais são os conhecimentos necessários para a realização de atividades estratégicas para a organização, sejam elas técnicas ou comportamentais. Ela é importante para o direcionamento das atividades, a fim de atingir as metas pretendidas pela organização. Nesse tipo de avaliação, é verificado se os seus colaboradores têm as competências necessárias e se as aplicam continuamente em seu negócio.

2. Avaliação de desempenho por objetivos

Ela se ampara na avaliação de acordo com o cumprimento dos objetivos específicos dos departamentos, equipes ou até mesmo de forma individual. É preciso estabelecer metas e prioridades comuns para toda a organização e para os funcionários individualmente, assim, são delimitadas as responsabilidades de cada um. Ao fim do período, é avaliado se essas metas estabelecidas previamente foram cumpridas, podendo estar alinhada a uma gestão por resultados.

3. Avaliação de desempenho 360 graus

É um tipo de avaliação na qual diversas fontes realizam a mensuração, de forma a obter o máximo de informações possível sobre o desempenho dos funcionários. A partir da observação de cada um dos auditores, faz-se a avaliação de desempenho da pessoa. Ela se ampara na ideia de que quanto mais pessoas dando o mesmo feedback, mais fidedigno ele será. Isso faz com que o avaliado acredite que a avaliação foi, de fato, objetiva e certeira.

Além disso, o anonimato e a confidencialidade dos envolvidos também tornam essa uma avaliação cada vez mais realizada. Seu objetivo é promover uma mudança de comportamento dos funcionários, principalmente conseguir potencializar suas competências.

4. Avaliação de desempenho 180 graus

Essa também é uma das avaliações mais populares nas organizações. Nesse caso, há uma troca de feedbacks entre gestor e funcionários, mostrando como os liderados enxergam o trabalho do seu líder. Além de mensurar se a liderança estratégica é aplicada.

Também é uma mensuração que visa identificar pontos fortes nas equipes, bem como avaliar a evolução de todos os envolvidos. Nesse caso, o líder também é avaliado pelas suas competências em liderar e gerenciar os times. Contudo, ela só funciona adequadamente se a comunicação interna for eficiente. Caso contrário, poderão ocorrer distorções.

5. Avaliação de desempenho por comparação por pares

É mais tradicional, sendo realizada pela comparação de desempenho entre dois colaboradores, contrapondo os resultados entre eles. É um tipo de mensuração mais simples e, normalmente, praticada em pequenas equipes, que permitem uma boa comunicação interna.

Cada tipo de avaliação de desempenho cumpre um papel e observa pontos específicos dos processos internos da organização. Desde questões práticas, como cumprimento de metas, até a adequação do perfil exigido pela empresa.

E aí, gostou desse conteúdo? Se quiser apreender sobre como impulsionar o desempenho das equipes de trabalho, leia o nosso artigo sobre gamificação!