O que é vantagem competitiva sustentável? + 5 dicas imperdíveis!

A empresa que desenvolve uma vantagem competitiva sustentável sobre os concorrentes tem tudo para se perpetuar no mercado. Bons exemplos disso são gigantes como Uber, Airbnb, Spotify e Netflix. Eles começaram explorando modelos de negócios até então desconhecidos e, hoje, são referências em suas respectivas áreas de atuação.

Você também pode tornar a sua empresa uma verdadeira líder em seu mercado, desde que adote as estratégias adequadas.

Veja como começar a partir de agora!

O que é vantagem competitiva sustentável e qual a sua importância?

A principal característica da vantagem competitiva sustentável é que ela está ligada ao conceito de escalabilidade. Para resumir: trata-se da capacidade de uma empresa em conquistar fatias maiores do mercado, de forma que isso não implique custos significativos. Assim, esse é o melhor caminho para assegurar bons resultados por mais tempo. 

Como chegar a esse nível de competitividade?

Certamente, você já observou que não é da noite para o dia que se chega a um patamar competitivo sustentável. Um bom ponto de partida é tomar como referência as forças que moldam a concorrência, do professor Michael Porter.

A seguir, vamos ver o que isso significa?

1. Faça uma análise dos concorrentes

De acordo com Porter, para que uma empresa seja realmente competitiva, precisa ponderar o peso de cinco forças:

  • o poder de barganha dos clientes;
  • o poder de barganha dos fornecedores;
  • a ameaça da entrada de novos concorrentes;
  • a ameaça dos produtos substitutos;
  • a força dos concorrentes existentes.

Use essa ferramenta para analisar a concorrência junto com a matriz SWOT para potencializar seus resultados.  

2. Invista na gestão de risco

Estar no mercado é assumir riscos. Portanto, é preciso ter ferramentas que auxiliem sua empresa a detectá-los e contorná-los em tempo hábil. Uma maneira simples de se fazer isso é pela Análise Preliminar de Riscos (APR), na qual a empresa monta uma tabela com as possíveis ameaças, categorizadas por grau de intensidade. Chamado de índice de risco, ele vai de 1 a 3, com cada grau representando risco baixo, médio ou elevado.

3. Adote softwares de gestão

As empresas que destacamos no início têm em comum o uso intensivo da tecnologia, dos dados e da automação. Não por acaso elas se tornaram líderes em seus segmentos, já que o uso de sistemas especialistas é o melhor caminho para o crescimento escalável e sustentável.

4. Estabeleça métricas e monitore

O mestre e gestor William E. Deming disse com muita sabedoria: “não se gerencia o que não se mede”. Sendo assim, procure estipular indicadores-chave de performance (KPIs) que possam traduzir em números a evolução do seu negócio. Alguns dos mais usados são:

  • EBITDA (Lucros Antes dos Juros, Impostos, Depreciação e Amortizações);
  • ticket médio;
  • taxa de conversão;
  • retorno sobre investimento (ROI).

5. Entregue a melhor experiência aos clientes

Por último, mas não menos importante, não há como conquistar vantagem sobre a concorrência sem entregar a melhor experiência para o cliente. Foi assim que grandes empresas como McDonald’s, Starbucks e Apple se tornaram imbatíveis em suas respectivas áreas.

Isso sem contar que o consumidor de hoje é extremamente ligado a aspectos como atendimento e relacionamento. Ou seja, ele busca não só os melhores produtos e serviços, como experiências de consumo memoráveis. Ficou claro o que é vantagem competitiva sustentável e como começar a aplicá-la, certo?

Para complementar a leitura deste conteúdo, conheça as 6 principais peças do orçamento empresarial e como elas influem para o seu sucesso!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.