5 motivos pelos quais o Employer Branding é (ou deveria ser) um dos pilares do seu planejamento estratégico

Todo negócio precisa conquistar e cuidar muito bem dos seus clientes. Eles são a garantia de crescimento e sustentabilidade da empresa. Porém, muitos gestores não se dão conta que o primeiro cliente para o qual devem dedicar atenção é o cliente interno: os seus colaboradores.

São eles os responsáveis em entregar ao mercado os valores sobre os quais uma marca estará sendo construída. Por estarem envolvidos diretamente com os produtos, com a empresa e com a marca, exercerão um papel de influenciadores informais em seus grupos de relacionamento.

Se você ainda não implantou na sua empresa, vamos dar 5 motivos pelos quais o Employer Branding é (ou deveria ser) um dos pilares do seu planejamento estratégico.


O que é Employer Branding

Antes, é bom entender que Employer Branding é um conjunto de ações que visa a construção de uma imagem positiva da empresa para o seu público-alvo interno, seus funcionários. Consequentemente, pelo fato de uma empresa ter uma boa imagem como empregadora vai refletir também como ela será vista por todos os demais públicos: consumidores; fornecedores; e a comunidade onde ela está inserida. Employer Branding é uma construção contínua com resultados de longo prazo.


Cenário Brasileiro

No site do Valor Econômico, no dia 08 de agosto de 2019, foram publicados dados de uma pesquisa feita pela Cia de Talentos. A pesquisa apontou que 73% dos entrevistados não veem com frequência uma coerência entre o discurso e a prática das empresas e 63% não consideram seus empregadores transparentes. Cerca de 78% da amostra é formada por estudantes ou recém-formados. Dos 15,8 mil coordenadores e gerentes entrevistados, a desconfiança é ainda maior: 84% não acreditam que as companhias realmente fazem aquilo que dizem. Entre a alta liderança, a taxa é de 82%.


Motivos para investir sistemática e estrategicamente em Employer Branding

Funcionários motivados sempre produzirão mais e melhor, não há novidade nenhuma nisso. Os motivos para investir na estratégia de Employer Branding é fazer com que as pessoas queiram fazer parte do crescimento da empresa e se sentirem responsáveis por isso.

Equipe mais comprometida e produtiva

As estratégias de Employer Branding fazem com que a relação dos funcionários seja de identificação com a missão, visão e valores da empresa. Percebem então que também são responsáveis pelo sucesso dos negócios produzindo mais e melhor.

Melhora a imagem da empresa perante o mercado

Quando a empresa é bem-vista pelos funcionários certamente será bem-vista pelo mercado. É uma relação direta que começa pela satisfação dos clientes, por serem bem atendidos por funcionários satisfeitos.

Retenção de talentos

Reputação de marca vai além da conquista de clientes. Atrai também bons profissionais, alinhados com a proposta da empresa e dispostos a desempenhar seu melhor talento em benefício da organização. Como já dito, o Employer Branding faz com que os funcionários identifiquem nos objetivos estratégicos na empresa, um meio de atingir seus próprios propósitos profissionais. Ao perceber as possibilidades de crescimento e reconhecimento quem já é contratado opta por ficar, e quem ainda não é; pode ter como meta fazer parte da empresa.

Diminuição dos custos de turnover

Alta rotatividade de mão de obra é algo que afeta muito a empresa, seja pelos custos envolvidos em treinamentos, valores de rescisão de contrato, novos processos de contratação, ou seja pela imagem da empresa que fica arranhada por ninguém querer ficar muito tempo trabalhando ali. Profissionais mais jovens não se importam em trocar de emprego quantas vezes forem necessárias até encontrar a empresa em que eles se identifiquem e consigam realizar o seu trabalho da melhor forma.

Equipe de alta performance

Quando a empresa consegue atrair os profissionais mais talentosos e propicia um clima organizacional que mantém essas pessoas trabalhando para ela por um longo tempo, o resultado é uma equipe de alta performance. E Isso se consegue através das estratégias de Employer Branding.

Employer Branding

Dicas fundamentais

Construir a imagem de uma empresa para seu público consumidor é um processo de longo prazo a partir de ações conjuntas. Não é diferente quando se pensa na reputação da empresa para o seu público interno. Tudo começa pela definição dos valores que sustentam o negócio.

Planeje

As ações de Employer Branding devem ser muito bem pensadas e avaliadas. As ações devem estar alinhadas aos objetivos estratégicos da empresa, e dentro dos recursos, físicos, financeiros e humanos disponíveis. E o mais importante, defina indicadores para acompanhar e avaliar os resultados de cada ação e da estratégia como um todo.

Transparência e coerência

Comunique-se com toda a sua equipe constante e frequentemente. Mostre onde a empresa está, onde quer chegar e o que pretende fazer. Para que o engajamento e o comprometimento com os negócios da empresa aconteça, tem que haver coerência entre as ações do Employer Branding e a missão, visão e valores da empresa.

Não se comprometa a fazer aquilo que não é capaz de fazer.

Ou seja, só prometa se for capaz de cumprir. Por isso planejar é importante. Crie planos de ação para garantir que as coisas aconteçam.

Fortaleça as lideranças

Concentre os esforços naquelas pessoas que vão gerar resultados melhores e mais rápido. A partir dessas lideranças, o projeto poderá ser ampliado para os demais colaboradores. Esses líderes serão os embaixadores do Employer Branding para toda a empresa.


Gostou do artigo? Que tal ficar por dentro de todos os nossos conteúdos, a partir de agora? Assine a nossa Newsletter e não perca nenhuma novidade.