Gestão estratégica de pessoas: o que é e quais seus benefícios?

Gerenciar o pessoal da sua empresa nem sempre é uma tarefa simples. Além de cumprir com as obrigações trabalhistas impostas pela Lei, também é necessário observar outros elementos, afinal, você lidará com profissionais e será necessário ter certos cuidados na hora de fazer isso. Para solucionar essa questão, atualmente, contamos com a gestão estratégica de pessoas.

O RH estratégico consiste em um conjunto de práticas que visa, inicialmente, melhorar os processos de contratação e relacionamento entre a empresa e colaboradores, oferecendo vantagens e benefícios que contribuam para seu dia a dia e crescimento profissional.

Neste artigo, mostraremos os principais benefícios que você obterá ao aplicar essa estratégia em sua empresa. Confira!

Contratações mais acertadas

Um dos primeiros benefícios que você poderá perceber ao implementar o RH estratégico está relacionado ao processo de contratação. É comum que as empresas dediquem pouco tempo na hora de entrevistar e escolher um profissional, mas demorem muito para demiti-lo, caso não atenda aos requisitos básicos da organização.

Ao adotar essas estratégias, isso não será mais um problema porque você poderá implementar um processo seletivo mais eficiente e que, efetivamente, possibilite encontrar os talentos com o melhor fit cultural.

Um dos principais objetivos desse tipo de procedimento é encontrar profissionais qualificados para atuarem em determinada área. Entretanto, muitos gestores não avaliam se a pessoa está devidamente alinhada com as atividades, missão, valores e objetivos da empresa. Ao deixar de avaliar esse ponto, você pode contratar pessoas que ficarão desmotivadas com o trabalho em pouco tempo, e acabará tendo que arcar com os custos de uma demissão e novo processo de contratação.

Ao implementar o processo de gestão estratégica de pessoas, será mais simples definir o perfil do candidato que se pretende analisar e selecionar o profissional mais adequado para assumir a vaga, evitando, assim, gastos desnecessários e desperdício de tempo.

Redução do turnover

Ao aplicar essa estratégia para garantir uma contratação de pessoal de forma mais eficiente, atraindo profissionais ideais para atuarem em seu negócio, você evitará um grande problema: a rotação de funcionários ou, como também é conhecido, o turnover.

Esse tipo de processo gera muitos prejuízos para a empresa, pois, além dos custos com procedimentos de contratação, também surgem problemas administrativos, tendo em vista que os novos colaboradores deverão ser treinados de acordo as políticas e procedimentos da organização.

Aumento da produtividade e motivação

Motivação e produtividade são características que andam de mãos dadas. Funcionários motivados, consequentemente, serão mais produtivos. Sendo assim, o RH estratégico poderá ajudar a aumentar o grau de motivação dos seus talentos. Para fazer isso, você precisará oferecer vantagens e benefícios que contribuam para a melhora no dia a dia do colaborador.

Um deles pode ser a oferta de cursos e treinamentos ou, ainda, bonificações para colaboradores que atingirem determinadas metas e objetivos. No entanto, com relação a essa última é necessário tomar muito cuidado. É fundamental ser totalmente imparcial e justo para beneficiar apenas o colaborador que, efetivamente, mereceu a premiação.

Caso contrário, em vez de criar motivação, você despertará um sentimento de descontentamento, o que pode prejudicar em muito a produtividade de seus colaboradores.

Melhora na comunicação interna

A gestão estratégica de pessoas também facilitará a comunicação interna de sua empresa. Ao contar com profissionais alinhados com seus objetivos e princípios, será mais fácil se comunicar com os colaboradores. Isso porque você conseguirá criar uma conexão com todos os profissionais e impregnar em suas mentes todas as informações e dados necessários para que o trabalho seja realizado da melhor forma possível.

Economia de recursos

Em outros tópicos deste artigo, mencionamos que você poderá obter algumas reduções de custos ao adotar a estratégia defendida neste artigo. No entanto, vamos mostrar na prática como essa economia funcionará dentro de sua empresa. Inicialmente, você precisa entender que contratar pessoas demanda tempo e dinheiro.

Você deverá gastar para divulgar a vaga, atrair pessoas e dispensar tempo e trabalho de funcionários para coletar currículos, analisar perfis e entrevistar candidatos. Além disso, a contratação, quando feita sem observar os princípios do RH estratégico também contribui para o aumento no número de demissões, que, fatalmente, também geram custos e transtornos para a empresa.

Melhor conhecimento do perfil dos trabalhadores

A gestão estratégica também contribui para que você conheça melhor o perfil das pessoas que trabalham em sua empresa. Ao aplicar essa ferramenta, você terá acesso a todas as informações dos seus colaboradores, mesmo aquelas mais pessoais que, em muitos casos, não são obtidas pela empresa.

Com base nesses dados, poderá criar mecanismos para fazer com que eles tenham mais força de vontade, foco e prazer em atuar em seu empreendimento, oferecendo, assim, oportunidades de crescimento e desenvolvimento de sua carreira.

Contribuição para o desenvolvimento profissional

E, aproveitando essa informação, o RH estratégico também contribuirá para o desenvolvimento profissional dos colaboradores. Isso ocorrerá porque, como você terá mais conhecimentos sobre os desejos, anseios e sonhos que eles têm, poderá oferecer oportunidades para que se desenvolvam ao longo de sua atuação.

Fazer isso, além de garantir que você tenha pessoas extremamente qualificadas atuando em sua empresa, também possibilitará despertar um sentimento de gratidão nos seus colaboradores, aumentando ainda mais sua vontade de prestar serviços com qualidade, zelo e determinação.

Maior alinhamento com os objetivos da empresa

Por fim, o RH estratégico garante que você tenha pessoas totalmente alinhadas com os objetivos da empresa. Eles deverão ser explícitos desde o momento da comunicação de uma vaga na empresa até a efetiva contratação de um talento.

Além disso, esses objetivos devem estar totalmente integrados com o dia a dia de trabalho dos colaboradores ativos. Isso permitirá que eles enxerguem certo grau de congruência e compatibilidade com os objetivos de funcionários mais antigos.

Por fim, para implementar a gestão estratégica de pessoas é possível utilizar ferramentas tecnológicas avançadas, tais como sistemas de gerenciamento de pessoal, para garantir que todos esses benefícios sejam amplamente aproveitados e sua empresa possa ter mais tranquilidade na hora de contratar ou se relacionar com seus colaboradores.

Gostou das informações deste artigo? Que tal ficar por dentro de todos os nossos conteúdos, a partir de agora? Então, siga nossos perfis no Facebook e LinkedIn e não perca nenhuma novidade.